Ciclista polaco desafia a morte numa montanha nos Estados Unidos

A “white line” na montanha de Sedona, no Arizona, é procurada por ciclistas de BTT de todo o mundo pela adrenalina que provoca. As imagens de Michal Kollbek a percorrer o trilho foram captadas por um ‘drone’ de Marshall Mullen, amigo de Kollbi e também ciclista.

“Eu vivo para esta adrenalina e teria feito o trilho se fosse filmado ou não”, afirmou Kollbek, que aconselha os ciclistas inexperientes a não tentarem o mesmo percurso sem antes treinarem muito.

Ao Huffington Post, o ciclista explicou que, apesar de já saber da existência do trilho há algum tempo, só recentemente decidiu experimentar. Primeiro deu uma volta a pé pelo local e só depois decidiu arriscar. “Estava confiante nas minhas capacidades e sabia que podia fazer o percurso. O segredo foi bloquear os pensamentos de medo acerca do potencial perigo, por isso apenas me foquei no trilho em si e não no espaço assustador que tinha à minha volta”, disse.