Cão condenado à morte por ter tumor gigante é resgatado e ganha uma nova vida

078

Este cão, da raça Weimaraner, foi encontrado no Arizona, EUA, e aparentemente  foi abandonado pelo dono para morrer numa ala de um abrigo para cães – uma instituição onde os cães simplesmente aguardam a própria morte. O animal foi encontrado bastante debilitado e sem conseguir andar, já que o tumor, localizado próximo da área do estômago, era enorme e impedia os seus movimentos.

Os veterinários apelidaram-no de Gilbert Grape, porque o tumor era como uma imensa uva e Grape em inglês significa uva.

O facto de ele ter conseguido sobreviver tanto tempo com um tumor daquele tamanho, continua a ser um mistério para os veterinários, mas a sorte deste meigo animal mudou quando dois voluntários visitaram o “canil da mort” e o resgataram.

078-1

Os dois voluntários levaram-no para um hospital especializado nestes casos e foram informados que a cirurgia tinha um custo superior a 400€! Como não tinham condições financeiras para arcar com o tratamento, decidiram divulgar o caso nas redes sociais criando uma página no Facebook com a esperança de receberem ajuda.

078-2

Após arrecadarem o valor necessário, o cão foi operado e pouco tempo depois voltou a ter uma vida normal. Uns dias depois foi feita uma biopsia ao tumor, tendo sido confirmado que se tratava de um tumor benigno e que Gilbert Grape estava livre da possibilidade de ter algum tipo de cancro.

078-3

Grape está ainda em processo de recuperação e, volta e meia, tropeça em alguma coisa devido à massa muscular que perdeu por ter ficado meses praticamente sem se movimentar devido ao tumor, mas a sua coordenação motora está a voltar ao normal aos poucos.

078-4

Foi dado início a um longo processo de fisioterapia para fortalecer os músculos do animal e assim que estiver totalmente recuperado será entregue para adopção.

078-5

Milhares de pessoas já se inscreveram para dar ao cão um verdadeiro lar recheado de carinho e amor… e ele BEM MERECE! 🙂

078-6